Músico jamaicano diz que Miley Cyrus o plagiou e pede R$ 1 bilhão em processo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A cantora Miley Cyrus está sendo processada pelo músico jamaicano Michael May, também conhecido como Flourgon.

Miley Cyrus manda mensagem romântica de aniversário para Liam Hemsworth

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O artista acusa Cyrus de ter plagiado uma de suas canções, e pede US$ 300 milhões (R$ 977 milhões) em indenização. Na avaliação de May, o hit “We Can’t Stop”, lançado em 2013 por Cyrus, é uma cópia da canção “We Run Things”, lançada por ele em 1988.

O músico ainda incluiu os produtores do disco e o estúdio responsável pela gravação no processo. De acordo com o site New Musical Express, o processo afirma que a canção de Cyrus “incorpora substancialmente elementos vocais, melódicos e rítmicos” de sua música.

Faça a comparação:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio