Após nascimento da filha, Khloé Kardashian pode perdoar traição do marido

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Khloé Kardashian está “pensando no que é certo para sua filha recém-nascida”, segundo fontes da People, e deixando o pai da criança, o jogador de basquete Tristan Thompson, visitá-la no hospital. Vítima de uma suposta traição, Khloé ainda não perdoou o marido, mas as coisas parecem estar se ajeitando.

Uma fonte informou a PEOPLE que “Khloé ainda não tomou uma decisão sobre ele (Tristan)”. Ainda acrescenta: “É uma decisão e tanta para ela fazer agora, e ela está levando tudo um dia por vez. Sua família a está apoiando, mas eles sabem o quão teimosa ela pode ser. Se ela quiser continuar com ele, ninguém da família conseguirá mudar essa decisão”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Khloé deu à luz sua primeira filha nessa quinta (12), meros dias depois de um escândalo de traição que balançou a relação com Thompson.

Um suposto vídeo de Thompson, atleta do Cleveland Cavaliers, acabou vazando, e nele Tristan é visto se aproximando de uma mulher misteriosa em uma festa em uma boate em Manhattan (EUA). Confira o vídeo aqui.

Tristan voltou às quadras na noite de quarta (11), na Q Arena, para um jogo contra o New York Nicks e deu de cara com cartazes do público apoiando Kardashian – confira aqui.

Ex-cunhada processa família Kardashian

Khloé teve a filha em Cleveland (EUA), cidade do pai da criança, conforma planejado. “Vou comer a placenta em pílulas”, relatou Khloé à irmã Kim semanas atrás.

A estrela de reality show também chegou a confessar as dificuldades da gravidez, aparecendo em episódio do programa da família e dizendo que estava “incapaz de andar” – veja mais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio