O comediante T.J. Miller foi preso nessa segunda (09) em Nova York (EUA) após autoridades descobrirem que ele foi o autor de uma ameaça falsa de bomba em um trem da cidade no mês passado.

Segundo o TheWrap, uma ligação anônima que causou pânico nos passageiros de um trem do sistema Amtrak em março foi rastreada para o celular de Miller.

Deadpool se veste de rosa em vídeo da campanha do F***-se o Câncer


A acusação formal contra Miller foi a de dar informação falsa propositalmente para as autoridades, e ele pode pegar até cinco anos de cadeia uma vez que julgado.

O comediante, conhecido pelos papéis em Deadpool e Silicon Valley, foi liberado mediante pagamento de US$ 100 mil (R$ 342 mil).

Miller retorna como o personagem Fuinha, “ajudante” do mercenário título, em Deadpool 2, marcado para lançamento em 17 de maio.

O ator também foi alvo de denúncias de assédio sexual em meio ao movimento #MeToo, no ano passado, mas parece ter saído relativamente ileso das acusações.