Helen Mirren critica a Netflix: “É devastador para os cineastas”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Helen Mirren tomou as dores do marido, o diretor Taylor Hackford, ao criticar a Netflix em uma uma entrevista à revista The I.

Hackford, conhecido por filmes como Advogado do Diabo (1997) e Ray (2004), está na categoria que Mirren considera a mais prejudicada pelo serviço de streaming: os próprios cineastas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“É devastador para eles”, conta a atriz. “Eles querem ver seus filmes passando em cinemas, onde as pessoas podem ter uma experiência comunitária com a obra. Eu entendo essa ânsia”.

Ironicamente, Mirren também admite que “vê muitos filmes em seu iPad”, fazendo assim uma contraposição entre os anseios dos cineastas e as realidades do século XXI.

80% de usuários da Netflix não assistem séries e filmes originais do serviço

A entrevista da vencedora do Oscar por A Rainha cobre uma série de tópicos, inclusive suas atitudes quanto a “proximidade da morte”, como ela mesma coloca, agora que completou 72 anos – veja aqui as declarações.

A estrela britânica não é a primeira a se posicionar dessa forma quanto à Netflix, é claro: Martin Scorsese já disse que a plataforma “não é a forma ideal de ver filmes”, por exemplo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio