Ricky Martin diz que se arrepende de não ter se assumido gay 10 anos antes

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Antes de se assumir gay oficialmente em 2010, através de um post em seu site, Ricky Martin continuamente se esquivou de perguntas sobre sua sexualidade, inclusive em uma famosa entrevista com Barbara Walters, em 2000.

Ricky Martin sofre acidente durante show e é levado ao hospital

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Aparecendo no Watch What Happens Live nessa segunda (09), Martin revelou se arrepender de não ter respondido mais diretamente as questões de Walters nessa época.

“Eu disse para ela: ‘Eu não estou a fim de te falar isso’. Se eu assisto o vídeo hoje, acho horrível”, confessou.

“Eu sinto que ela pressionou bastante e eu realmente estava desconfortável, dava para ver. No entanto, hoje em dia assisto isso e penso: ‘Por que diabos você não disse que era gay de uma vez?’”, continuou.

“Barbara estava apenas fazendo o trabalho dela. Todo mundo estava fazendo essa pergunta, então ela tinha que perguntar quando me encontrou”, completou ainda.

“Hoje em dia, acredito que todo mundo deveria dizer ‘sim’ quando é perguntado. Se você é gay, não fique escondendo. Não tem problema nenhum”, recomendou por fim.

Vencedor de dois Grammys, Martin tem se arriscado mais como ator recentemente, aparecendo na segunda temporada de American Crime Story como Antonio D’Amico, amante de Gianni Versace.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio