A atriz Asia Argento foi uma das primeiras a denunciar o mega produtor de Hollywood Harvey Weinstein por abuso sexual. Durante a sua participação no Festival de Cannes deste ano, Argento resolveu fazer um discurso contra o produtor e atacou todos os abusadores da indústria.

“Em 1997 eu fui abusada por Harvey Weinstein. Eu tinha 21 anos. Este festival foi seu local de caça. Eu quero fazer uma previsão: Harvey Weinstein nunca mais será bem-vindo aqui de novo. Ele viverá em desgraça, esnobada pela comunidade cinematográfica que uma vez encobriu seus crimes” disse a atriz no discurso.

Ela então atacou outros homens que ainda se safaram de acusações: “Sentados entre vocês, há aqueles que ainda precisam ser responsabilizados por suas condutas contra mulheres. Vocês sabem quem são. E mais importante, nós sabemos quem vocês são. E não permitiremos que isso fique assim por mais tempo”.


Recentemente, Argento criticou o diretor Quentin Tarantino por sua conduta com a atriz Uma Thurman nos bastidores do filme Kill Bill – leia mais.