O apresentador de televisão norte-americano Chris Hardwick foi acusado por sua ex-namorada, Chloe Dykstra, de ter abusado sexualmente dela.

Em uma postagem da rede Medium, Dykstra disse que durante os três anos que passou ao lado de Hardwick, foi abusada psicologicamente e fisicamente pelo apresentador. Hardwick respondeu dizendo ter ficado chocado com o que leu da ex-namorada e embora sua relação não fosse perfeita, ele não “abusou sexualmente dela”.

A NBC, por sua vez, cortou laços com o apresentador, que era famoso por apresentar o programa The Wall, que no Brasil recebeu uma versão como um quadro do programa O Caldeirão do Hulk.


Outra emissora de TV que resolveu cortar laços com Hardwick é a AMC, que revelou que não vai exibir a segunda temporada de Talking, um dos programas do apresentador.