Filha de Elvis Presley acusa ex-empresário de gastar herança deixada pelo pai

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz e cantora Lisa Marie Presley está alegando que seu ex-empresário Barry Siegel gastou uma quantia de aproximadamente $100 milhões (R$ 374,79 milhões) deixada de herança pelo pai Elvis Presley. As informações são do Daily Mail.

O jornal teve acesso aos documentos dos processos movidos por Lisa contra o empresário. A filha do Rei do Rock acusa Siegel de estabelecer um salário anual de $700 mil (R$ 2,62 milhões), enquanto as dívidas dela cresciam.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

”O salário determinado por Siegel para si equivale entre 40% e 50% dos ganhos anuais de Lisa Marie. Um valor que ela jamais teria concordado se estivesse ciente de suas condições financeiras. Siegel fez com que Lisa acreditasse estar com suas finanças em boa forma”, dizem os advogados de Lisa.

Viúva diz que Elvis Presley cometeu suicídio em documentário

Há também emails enviados pelo empresário com mentiras sobre sua real situação financeira:

”Estamos bem financeiramente… Estamos ok… Tenha certeza que estamos fazendo todo o melhor para manter o seu atual estilo de vida e o futuro de sua família.”, dizia o empresário.

Lisa demitiu o empresário em 2015 após ser informada sobre seus problemas financeiros, com uma perda de $100 milhões em apenas 10 anos.

Barry Siegel que também está processando Lisa, acusando-a de mentiras não respondeu a questionamentos da imprensa internacional.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio