Meg Ryan revela que nunca quis ser a “queridinha da América”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Meg Ryan, que ficou bastante conhecida pelos filmes de romance que protagonizou durante a década de 90, revelou durante uma conferência ao lado da atriz Gwyneth Paltrow (via Deadline) que jamais quis se tornar famosa ou receber o título de “queridinha da América”.

“Sabe, eu nunca quis ser atriz. Toda essa ideia de ser uma pessoa famosa, eu me senti como uma testemunha do que acontecia. Eu me sentia como uma estudante, vendo tudo se desdobrar de forma antropológica” começou a atriz.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ryan então explicou que nunca gostou do rótulo de queridinha que a imprensa deu a ela. “Quando você é rotulada como a queridinha da América – eu nunca entendi o que é isso. Não implica que você é inteligente, sexy ou complicada. É apenas um rótulo. E o que um rótulo pode fazer se não te limitar?”.

Questionada se tinha alguma história de assédio sexual em sua carreira, a atriz disse que não possui “uma grande história ruim” e que se sente sortuda por isso.

Um dos próximos trabalhos de Meg Ryan será na televisão. Ela é cotada para estrelar a série Picture Paris (saiba mais).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio