Terry Crews, lembrado sempre no Brasil por Todo Mundo Odeia o Chris, está envolvido em um processo da empresa que o astro contratou para melhorar a sua presença nas redes sociais. Após desentendimento, o ator está sendo acusado de ameaçar Darwin Hall, conhecido profissional do marketing digital.

O caso teria acontecido logo depois de Hall, através da sua empresa, Symbolic Web Media, ter processado Terry Crews por não pagar pelos serviços prestados por duas décadas. Até hoje, o ator teria pago quase US$ 30 mil ao marketeiro, que afirma ter mais de cinco mil horas trabalhadas para receber.

Além disso, há a acusação de Darwin Hall contra Terry Crews em que o ator teria ordenado que a empresa parasse de trabalhar no desenvolvimento de um aplicativo para outro cliente, que é homossexual. A alegação é de que o astro não queria a Symbolic Web Media trabalhando para ninguém da comunidade LGBT e que iria arcar com o custo do app para o projeto ser encerrado. Hall garante que o ator esqueceu do assunto.


O ator de Brooklyn Nine-Nine defendeu-se publicamente das acusações. Primeiro, Terry Crews afirmou que a empresa está cobrando US$ 1 milhão apenas por ter criado um site para ele.

Na internet, o ator fez ainda mais acusações contra o marketeiro e a sua empresa.

“O cara era meu amigo e eu paguei ele para ajudá-lo, até eu descobrir que ele estava criando sites pornográficos – então deixei ele ir embora”, primeiro disse o ator. “Depois ele começou a trocar algumas coisas pelas minhas costas, ideias que havíamos conversado em particular”, ainda completou.

Deadpool 3 | Terry Crews diz que pode voltar em novo filme

Por fim, Terry Crews ainda garante que Darwin Hall já tentou matar um colega de quarto dando a suposta vítima manteiga de amendoim com mercúrio. Ainda conforme o ator, esse colega de quarto do marketeiro teria ficado muito doente.

Foram depois dessas acusações que o eterno Julius (pai do personagem Chris) foi acusado de recrutar fãs para atacar e fazer ameaças contra o famoso marketeiro.

“Em resposta das falsas e difamatórias postagens, os requerentes foram localizados, e depois contatados por um grande número de fãs do Réu Crews, que ameaçaram a vida dos requerentes, destruição de propriedade e negócio, e ainda prometeram caçá-lo por ter machucado Crews”, diz parte do processo divulgado pelo The Hollywood Reporter.

Darwin Hall ainda afirma no processo que o ator encorajou os seus fãs a realmente fazerem isso. Agora, além dos pagamentos, o marketeiro quer que as publicações sejam deletadas e ainda quer receber por danos de quebra contrato, difamação, cyberstalking e pressão psicológica.

O processo ainda deve ter novos capítulos.