Publicidade

Bryan Singer responde revista que o acusa de pedofilia: “Está fazendo acusações fictícias e irresponsáveis”

Publicado por Bruno Tomé

15/10/2018 09:05

O diretor Bryan Singer, conhecido pelos filmes dos X-Men, respondeu a revista Esquire após uma reportagem com uma série de acusações contra o diretor.

A publicação voltou a colocar o diretor no centro de casos de pedofilia. Desde 1997, há acusações contra Bryan Singer, que nunca respondeu legalmente por elas.

Através do Instagram, o diretor decidiu dar uma resposta ao “artigo negativo” da Esquire.

“Eu sei que a Esquire publicou um artigo negativo sobre mim. Contataram meus amigos, colegas, e pessoas que eu nem conheço. No clima atual, onde a carreira das pessoas são atacadas por diversas acusações, o que a Esquire está tentando fazer é uma negligência imprudente com a verdade, fazendo acusações fictícias e irresponsáveis”, destacou o ator em sua publicação.

O diretor ainda citou que a matéria estaria sendo baseada em fatos inventados.

Red Sonja | Bryan Singer negocia para dirigir o filme

“O artigo tenta dar uma nova versão a falsas acusações e falsas ações judiciais. O artigo cita ‘fontes’ que garantem saber ‘intimidades’ da minha vida pessoal. Tenta também me culpar por associação por pessoas que eu conheci no passado. Eles estão tentando ferir a carreira que levei 25 anos para construir”, escreveu Bryan Singer.

Por fim, o cineasta liga a matéria negativa com o lançamento de Bohemian Rhapsody, filme que ele foi demitido da direção, mas está supervisionando a edição e será creditado.

“Incidentalmente, essa matéria foi publicada convenientemente ao mesmo tempo que o lançamento do meu filme, Bohemian Rhapsody. Estou imensamente orgulhoso do meu filme e de todos envolvidos nele”, finalizou o diretor.

Desde o ano passado, Bryan Singer vem sendo acusado por Cesar Sanchez-Guzman, que se diz vítima do diretor. Conforme a acusação, o cineasta teria abusado do homem quando ele tinha 17 anos, ainda em 2003.

O último filme que conta com a supervisão de Bryan Singer, Bohemian Rhapsody, chega aos cinemas no Brasil no dia 1° de novembro.

Publicidade