Allison Mack, atriz de Smallville que está em prisão domiciliar por atuar em culto sexual, conseguiu uma ordem restritiva da justiça dos EUA. A condenada garante que estava sendo perseguida por fã.

O portal Radar Online conta que o homem é conhecido por Thomas Sekera. A perseguição tomou proporções assustadoras quando o fã teria começado a rondar a casa dos pais de Allison Mack, onde está presa, e ficaria até colocando seu rosto nas janelas da residência.

Ex-membros de culto sexual temem que Allison Mack seja liberada da prisão domiciliar


A atriz conseguiu a prisão domiciliar após pagar uma fiança de US$ 5 milhões. Alisson Mack foi condenada por ajudar a liderar um culto sexual. Entre os abusos que causava às vítimas, a condenada marcava as suas iniciais na pele de outras integrantes.

No momento, a famosa aguarda um julgamento para ser inocentada. Os advogados da atriz insistem que as acusações contra Alisson Mack não tem fundamento. Para defesa da condenada, a artista é mais uma vítima que passou por lavagem cerebral.

A audiência que vai definir o futuro de Allison Mack deve acontecer somente em janeiro.