Ex-empresário diz que O.J. Simpson ‘não agiu sozinho’ em assassinatos

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ex-empresário de O.J. Simpson, Norman Pardo, está fazendo um documentário sobre os infames assassinatos supostamente cometidos pelo astro – apresentando a possibilidade de que Simpson “não tenha agido sozinho”.

Pardo, que se descreve como um antigo amigo próximo de Simpson que trabalhou com ele por quase duas décadas após sua absolvição, desenvolve o documentário há quatro anos com o produtor Dylan Howard.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Pela primeira vez, a mais completa investigação sobre o assassinato já realizada será compartilhada com os Estados Unidos”, disse Pardo, que afirma ter mais de 70 horas de vídeo com Simpson que ninguém assistiu. “Reunimos uma equipe de pesquisadores criminais, especialistas e advogados internacionalmente renomados”, disse ele.

The Fix | Robin Givens entra para o elenco do drama jurídico criado pela promotora do caso O.J Simpson

“E eles acreditam que eles podem não apenas provar que Simpson esteve envolvido em suas mortes – mas, pela primeira vez, revelaram que ele tinha pelo menos um cúmplice.”

Com formato episódico, o documentário será lançado na próxima semana para serviços de streaming e redes a cabo dos Estados Unidos para coincidir com o 25º aniversário dos homicídios de Nicole Brown e Ron Goldman.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio