Mahershala Ali aceita pedido de desculpas de Viggo Mortensen após ator utilizar termo racista

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mahershala Ali, protagonista do filme Green Book, no qual contracena com Viggo Mortensen, aceitou o pedido de desculpas do ator, após este usar uma expressão racista em uma entrevista sobre o projeto.

Viggo Mortensen pede desculpa após usar termo racista em entrevista do filme Green Book

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não importa o quão bem intencionada ou intelectual a conversa pode ter sido, não foi apropriado para Viggo dizer a palavra com N. Ele deixou claro que entende isso, e se desculpou profundamente logo após a entrevista com Elvis Mitchell. Sabendo que sua intenção era expressar que a palavra com N vem sendo excluída dos vocabulários, sua atitude não o desqualifica como um racista, ou pessoa que tem pensamentos retrógrados e preconceituosos. Eu aceito e abraço seu pedido de desculpas”, afirmou o ator em nota para o The Hollywood Reporter.

Em nota ao The Hollywood Reporter, Viggo Mortensen também garantiu que não queria causar constrangimentos. A intenção do ator era a de mostrar que o racismo está sendo combatido.

Green Book é dirigido por Peter Farrelly e traz Viggo Mortensen (O Senhor dos Anéis) e Mahershala Ali (Moonlight) como protagonistas.

Ali interpreta o pianista Don Shirley, enquanto que Mortensen vive Tony Vallelonga, que é contratado pelo pianista para protegê-lo em uma jornada até um concerto no Sul do país.

Ainda não há previsão de estreia para Green Book no Brasil.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio