A sexta-feira (28), começou com uma notícia triste para os fãs de filmes de terror. O ator Robert Kerman, conhecido por sua performance no polêmico Holocausto Canibal, faleceu aos 71 anos, em um hospital geriátrico em Nova York.

Todo o Dinheiro do Mundo e 10 filmes que foram muito polêmicos antes mesmo de lançar

Antes de se aventurar do mundo do terror, Kerman iniciou sua carreira em filmes pornográficos. Ele chegou a ser um dos atores mais prolíficos da chamada Era de Ouro da Pornografia, aparecendo em mais de 100 filmes do gênero entre os anos 70 e 80.


No cinema convencional, ele é conhecido pelo papel do Professor Harold Monroe, protagonista de Holocausto Canibal, obra máxima do diretor italiano Ruggero Deodato. O filme ainda é considerado um dos filmes mais violentos do gênero, e na época de seu lançamento, muitas pessoas chegaram a acreditar que os atores da obra realmente foram assassinados.

Após os anos 80, Kerman apareceu em outros filmes trash e fez uma pequena participação no Homem-Aranha de Sam Raimi, lançado em 2002.

Robert Kerman nunca se casou ou teve filhos.