Christian Bale não quer mais ganhar e perder peso para filmes porque tem “medo de morrer”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Vice pode ter sido a última grande transformação de Christian Bale na carreira. O ator teve um ganho drástico de peso para ser envelhecido e interpretar o ex-presidente dos EUA, Dick Cheney.

Para o The Sunday Times, o ator declarou que não pode mais continuar trabalhando dessa maneira.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Não posso continuar. Eu realmente não posso. Estou com medo de morrer”, afirmou o famoso.

O ator ainda admitiu que sentiu egoísta. Quando Gary Oldman se transformou em Winston Churchill para O Destino de Uma Nação, Christian Bale quis dar conselhos de que não era saudável passar por drásticas mudanças. No entanto, o famoso acabou descobrindo que o seu colega não passou por qualquer processo de ganho de peso.

“‘Agora estou com 90 kg’. Eu disse, ‘O que – não?’ Eu me senti o babaca, mas eu pensei: ‘Agora que estou nesse caminho vou seguir’. Meu filho até amava a barriga. Ele balançava para cima e para baixo muito, até cair no chão”, relatou o ator.

Vice | Novo banner apresenta todo o elenco da comédia política com Christian Bale

A produção de Vice até tentou produzir um traje que simulava a forma física necessária para ser Dick Cheney. Mas, o astro não se adaptou.

O elenco de Vice conta com Christian Bale no papel do protagonista Dick Cheney, Amy Adams como sua esposa Lynne Cheney; Steve Carell, que encarna o ex-secretário de defesa, Donald Rumsfield; Sam Rockwell na pele de George W. Bush, controverso ex-presidente dos EUA; e o grupo de atores formado por Jesse Plemons, Alison Pill, Lily Rabe, Tyler Perry, Justin Kirk, LisaGay Hamilton, Shea Whigham e Eddie Marsan.

Adam McKay é o diretor e roteirista de Vice, seu primeiro filme após ser premiado com o Oscar de Melhor Roteiro Adaptado em A Grande Aposta, que também foi indicado a Melhor Filme.

Ex-presidente de uma empresa petrolífera, Cheney foi o escolhido por Bush para ser seu companheiro de campanha entre 2000 e 2008, e sua enorme influência sobre o presidente lhe garantiu o título de vice mais poderoso da história do país.

Vice estreia nos cinemas brasileiros em 31 de janeiro de 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio