Macaulay Culkin descreve amizade com Michael Jackson: “Muito normal”

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Estrela de Esqueceram de Mim, Macaulay Culkin teve uma longa amizade com o falecido músico Michael Jackson desde que se conheceram, quando Culkin ainda tinha dez anos.

Com as denúncias de abuso sexual contra crianças que Jackson recebeu ao longo dos anos, a amizade entre as celebridades passou a ser vista com outros olhos por muitas pessoas, mas Culkin sempre defendeu o astro, garantindo que não havia nada de sexual em sua relação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista com o Inside of You, Macaulay Culkin defendeu sua controversa amizade com Michael Jackson mais uma vez.

Apesar de protestos, festival não cancelará polêmico documentário sobre Michael Jackson

“Ele estendeu a mão para mim porque muitas coisas estavam acontecendo, muito rapidamente, e me identificava com isto”, contou. “É muito fácil dizer que era estranho. Mas no fim do dia, éramos apenas amigos.”

“Ele era uma pessoa inigualável. Ninguém mais em minha escola católica tinha ideia do que estava acontecendo comigo e ele sabia exatamente o que era. Ele queria garantir que eu não estivesse sozinho.”

“E ele era hilário. Era muito engraçado e bobo. Para mim, era muito normal e mundano. Parece uma grande coisa para as pessoas, mas para mim era apenas uma amizade comum.”

Macaulay Culkin chegou a defender Michael Jackson em tribunal em 2005, quando o cantor foi acusado de molestar um jovem fã.

Culkin afirmou que realmente dormiu na cama de Jackson em muitas ocasiões, mas que não acontecia nada de sexual ou inapropriado.

Na época, Culkin chamou as alegações de “absolutamente ridículas”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio