Publicidade

Presidente da Warner anuncia renúncia ao cargo após escândalo

Publicado por Gabriella Baliego

18/03/2019 14:30

O presidente do estúdio Warner, Kevin Tsujihara, renunciou o seu alto cargo após ser envolvido em um grave escândalo de assédio sexual. 

Atriz nega teste do sofá com presidente da Warner: “Fiquei atraída por ele”

Segundo o site Deadline, nesta segunda-feira, dia 18, a renúncia de Kevin foi confirmada pela própria empresa. 

John Stankey, responsável pela divulgação das produções da Warner, liberou o seguinte pronunciamento: “É de nosso interesse que Kevin seja liberado de suas funções na empresa. Kevin contribuiu muito para o sucesso do estúdio, mas ele concorda que suas condutas são inaceitáveis e inconsistentes com a nossa empresa.” 

Kevin Tsujihara emitiu o anúncio de sua renúncia em um memorando enviado, exclusivamente, para os seus funcionários que lê-se:

“Ao decorrer desta semana, eu venho refletindo como minhas ações podem impactar negativamente a nossa empresa. Depois de refletir e de minhas conversas com John Stankey, eu decidi renunciar ao meu cargo.” 

O escândalo começou com uma matéria do  The Hollywood Reporter que publicou uma gigantesca reportagem que expõe centenas de mensagens trocadas entre Kevin Tsujihara, CEO da Warner Bros Entertainment, e a atriz Charlotte Kirk.

De acordo com o THR, o conteúdo dessas mensagens incluía troca de favores sexuais para que Tsujihara alavancasse sua carreira em Hollywood e lhe conseguisse papéis em produções do estúdio.


Publicidade