Allison Mack, a atriz de Smallville envolvida no recrutamento da seita NXIVM, teria dito a uma jovem recrutada pelo grupo (identificada apenas como Nicole) que ela poderia interpretar a Mulher-Maravilha no futuro.

Segundo uma reportagem do site PageSix, Mack se aproximou de Nicole em fevereiro de 2016, quando a jovem estava passando por um depressão profunda. A atriz aproveitou o estado fragilizado da garota para recrutá-la para o NXIVM.

Para ganhar a confiança da jovem, Allison Mack teria prometido que Nicole poderia interpretar a Mulher-Maravilha em algum projeto futuro.


“Eu queria ser como a Mulher-Maravilha, queria interpretar esse papel. Na época, eu realmente procurava algo para depositar minhas esperanças”, afirmou Nicole.

Assim que a garota ingressou na seita, ela teria se tornado a escrava pessoal de Mack. A jovem teria sido marcada com ferro quente, passado fome e abusada sexualmente.

No seu testemunho, Nicole contou sobre uma ocasião em que foi amarrada e estuprada por membros do grupo. Mack também a teria chantageado em várias ocasiões.

Anteriormente neste ano, Allison Mack se declarou culpada em acusações de conspiração, extorsão e exploração de trabalho escravo. Keith Raniere, o fundador da seita, ainda está respondendo por acusações de tráfico de pessoas e abuso sexual.

Em Smallville, Allison Mack interpretou Chloe Sullivan.