Martin Charnin, ganhador do Tony e roteirista conhecido por ter criado e dirigido o musical da Broadway Annie, morreu na última quarta-feira (03), aos 84 anos, após sofrer um ataque cardíaco. A confirmação veio de sua filha no Facebook (via Variety).

“Nosso pai faleceu. Martin Charnin viveu uma vida longa. Ele estava assistindo Family Feud nos seus momentos finais, rindo com Shelly na cama de hospital”, escreveu sua filha. “O que fazemos agora, papai? Droga. mas como ele dizia, por mais brega que possa parecer… o Sol vai nascer amanhã”.

Embora ele seja melhor conhecido por seu trabalho nos bastidores, Charnin começou sua carreira como o Big Deal, na produção original de 1957 de Amor, Sublime Amor.


Charnin também ganhou um Emmy por ter produzido Annie, the Woman in the Life of a Man, estrelado por Anne Bancroft, em 14 esquetes musicais.

Posteriormente, em 1977, Annie estrelou na Broadway e o musical de Martin Charnin conquistou 10 indicações ao Tony e ganhou sete, incluindo melhor musical.

Martin Charnin deixa para trás sua esposa, todos os seus filhos e três netos.