“Achei que ia morrer”, diz Antonio Banderas sobre ataque cardíaco sofrido em 2017

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Por mais surreal que isso pareça, Antonio Banderas está grato por ter tido um ataque cardíaco.

Em entrevista ao Independent, Antonio Banderas voltou a falar sobre o ataque cardíaco sofrido em 2017, afirmando que o evento fez com que ele mudasse seus hábitos completamente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Eu achei que ia morrer e isso me fez entender a vida de um jeito mais profundo e complexo. Foi uma das melhores coisas que já me aconteceram. Eu larguei tudo que não era importante para mim mais, carro e todas essas coisas. Coloquei minha atenção na família, nos amigos e em minha recuperação… bem, a essência que fez com que eu me tornasse um ator”, revelou o astro.

Depois de sofrer um ataque cardíaco aos 56 anos, Antonio Banderas teve que passar por uma cirurgia para se recuperar.

Neste ano, o ator foi premiado no Festival de Cannes por conta de sua atuação em Dor e Glória, dirigido por Pedro Almodóvar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio