A briga entre Johnny Depp e Amber Heard na justiça continua acirrada.

Desta vez, Johnny Depp entrou com uma petição na Suprema Corte de Manhattan, Nova York, exigindo que uma intimação de Amber Heard seja anulada.

Essa intimação de Amber Heard pede acesso a toda a comunicação entre Johnny Depp e Harvey Weinstein, produtor de cinema acusado de assédio por dezenas de mulheres.


Caso na justiça

Além das conversas com Weinstein, Amber Heard também exigiu todos os documentos que registram de supostos atos de violência cometidos por Johnny Depp durante as filmagens de O Libertino (2004), filme produzido por Weinstein.

A briga dos dois astros na justiça já é longa. Divorciados desde 2016, Johnny Depp e Amber Heard já acusaram um ao outro de violência física e psicológica em diversas ocasiões.

Nesse ano, uma conversa do ex-casal em uma sessão de terapia foi divulgada pela imprensa. Nesse diálogo, Amber Heard admite ter agredido Johnny Depp.

Johnny Depp é conhecido por seu trabalho na franquia Piratas do Caribe. Amber Heard é lembrada recentemente por seu trabalho em Aquaman (2018).