Gene Reynolds, que escreveu, dirigiu e produziu a série de longa duração MASH, faleceu em sua casa em Burbank, Califórnia, aos 96 anos.

Sua morte foi relatada pela Variety depois de ser confirmada pelo Directors Guild of America, onde Reynolds serviu como presidente entre 1993-1997.

Carreira premiada

Reynolds se uniu a Larry Gelbart para desenvolver a série de humor negro ambientada na Guerra da Coréia, após o enorme sucesso do longa-metragem de Robert Altman, em 1970, com o mesmo nome.


A trama seguia médicos e enfermeiros de uma base hospitalar móvel do exército durante a Guerra da Coreia, na tarefa de cuidar dos feridos com um clima de descontração, tornando a vida no período bélico um pouco mais suportável.

MASH foi exibida na CBS por 11 anos, mais do que a própria Guerra da Coréia, e ganhou vários prêmios, incluindo um Emmy de Melhor Série Dramática em 1974.

O episódio final, exibido em fevereiro de 1983, bateu recorde de audiência com 105 milhões de espectadores.

Ao longo de sua carreira, Reynolds conquistou 24 indicações ao Primetime Emmy, vencendo o prêmio seis vezes.

A causa da morte não foi revelada até o momento.