Amigo de Michael Jackson, o ator Corey Feldman (Os Goonies) lançará um documentário para expôs os famosos que o abusaram quando era criança.

Feldman, que foi um dos mais famosos atores mirins dos anos 80, conversou com a EW sobre (My) Truth: The Rape of 2 Coreys, o documentário que promete ser explosivo.

“Tem sido um período tumultuado, muito arriscado e muito assustador. Os últimos dois anos foram insuperáveis, mas acredito que com grande risco, vem uma grande recompensa. E acredito que a recompensa em tudo isso, se nada mais, será que esses caras estarão finalmente expostos. Espero que o que aconteceu com Harvey Weinstein aconteça de novo, que várias vítimas se apresentem. E, como resultado, esses caras finalmente receberão acusações e podemos colocá-los fora do negócio.”


Comparação com Deixando Neverland

Defensor de Michael Jackson, o ator comparou o documentário com Deixando Neverland e prometeu que terá muito mais credibilidade.

“O que fizemos foi formar várias testemunhas que já haviam ouvido pessoalmente a própria vítima. Estas são testemunhas em primeira mão que obtiveram a história diretamente da vítima. Quando você olha para Deixando Neverland como exemplo, você tem as duas vítimas, mas depois não realmente não há ninguém que corrobore sua história. Era tudo unilateral. Acreditamos que fizemos um bom trabalho ao mostrar o que é o argumento e o que os dois lados têm a dizer, mas também mostrando as fraquezas em seus argumentos. Acho que fizemos um bom trabalho ao cobrir o escopo e, ao fazê-lo, realmente levará as pessoas a concluir que o que estamos dizendo é verdade.”

O documentário terá exibições nos Estados Unidos a partir do dia 9 de março.