Com 85 mil casos já registrados, o Coronavírus é o assunto mais falado na mídia desde o início deste ano de 2020.

Obviamente, tamanha proporção também leva grandes estrelas do cinema e da TV a comentarem sobre a situação de risco.

Fake news

O problema é que, recentemente, a atriz Debra Messing acabou se baseando em falsas informações para dar sua opinião.


Na última sexta-feira, Debra publicou em seu Twitter uma notícia do Washington Post alegando que os Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA reduzirão em 80% seus esforços globais de prevenção de doenças.

“É por isso que Trump DEVE SAIR! Ele coloca os americanos em perigo mortal”, twittou a atriz.

O problema é que, como seus seguidores foram rápidos em apontar, o artigo é de 1º de fevereiro de 2018, e o portal Breitbart afirma que a estatística é uma fake news que de fato nunca aconteceu.

Debra Messing é mais conhecida por protagonizar a série Will & Grace, que foi ao ar entre 1998 e 2006, e retornou em 2017, ainda estando no ar.