Ellen Pompeo, a estrela de Grey’s Anatomy, usou as redes sociais para rebater as críticas que vem recebendo por conta de um vídeo polêmico. Nele, faz comentários sobre o caso de Harvey Weinstein.

Harvey Weinstein era um famoso produtor de Hollywood. Nos últimos anos, o homem perdeu o reconhecimento ao ser acusado por inúmeros casos de assédio e abuso sexual.

Atualmente, o produtor de Hollywood está preso e tem pena de 23 anos.


No vídeo divulgado nas redes sociais, de uma entrevista da atriz de Grey’s Anatomy, fãs interpretaram que Ellen Pompeo estava culpando as vítimas e não o agressor. O fato gerou grande revolta.

“Elas carregam um pouco de responsabilidade. Não todas, mas é como dizem: ‘é preciso de dois para o tango’. E não digo isso para culpar as vítimas. Eu já estive em um quarto com Harvey Weinstein, já conversei com ele por mais de duas horas. Ele não disse ou fez nada inapropriado, mas eu não estava sozinha, fui mandada por um agente e isso aconteceu de dia. Eu não faria o mesmo à noite”, declara a atriz em um trecho (veja mais aqui).

A resposta de Ellen Pompeo

Nas redes sociais, Ellen Pompeo justificou que o vídeo foi tirado do contexto. Além disso, garantiu que a entrevista foi há dois anos.

“Ei meninas, peço desculpas se o vídeo é perturbador! Ele está fora de contexto e esse é um tema muito sério para ser tratado em um espaço como esse. Pessoas que foram abusadas ou assediadas devem buscar suporte de terapeutas. Esse não é um espaço saudável para um tema tão sério”, escreveu a atriz de Grey’s Anatomy.

A famosa diz que na época não sabia que Harvey Weinstein “era um estuprador”. Além disso, Ellen Pompeo diz tratar “sobre assédio e não abuso” no vídeo.

“Duas coisas diferentes. Eu estava falando sobre a minha experiência com assédio em Hollywood e minha perspectiva sobre isso”, comentou a estrela de Grey’s Anatomy.

Ellen Pompeo ainda explicou que estava tentando explicar como era a vida das atrizes em Hollywood antes do movimento Time’s Up, que buscou denunciar casos como os do produtor.

“Não podíamos reclamar como podemos hoje. Nós reclamávamos, eramos demitidas e eles ficavam”, relembrou a atriz.

A estrela de Grey’s Anatomy concluiu agradecendo que os tempos mudaram.

“A minha forma de lidar com situações que vivi é não tratando como outras mulheres lidaram com isso. Mais uma vez, graças a Deus hoje podemos falar sobre isso, mas assédio e abuso são ambos ruins, mas diferentes. Não tenho certeza se assédio é visto como crime pelas autoridades”, encerrou Ellen Pompeo.

Confira abaixo a série de tuítes.

Ellen Pompeo ainda estrela Grey’s Anatomy, que está renovada para 17ª temporada. A série é exibida no canal Sony.