Participante de Brincando com Fogo já foi sem-teto e traído pela namorada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sharron Townsend, de Brincando com Fogo, revelou que ele era um sem-teto quando criança, e mais tarde na vida sofreu depressão depois que sua namorada o traiu.

O novo programa de namoro da Netflix chegou ao serviço de streaming e já foi descrito como sendo melhor do que Casamento às Cegas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sharron, de 26 anos, é um treinador de necessidades especiais de Nova Jersey e se juntou a vários outros solteiros em um resort mexicano de luxo com a chance de arrecadar US$ 100 mil.

Mas sua jornada não foi exatamente fácil, pois uma ex-namorada o traiu com seu melhor amigo, o que o levou a um momento muito ruim.

“Quando cresci, tive sérios problemas de confiança. Minha mãe era mãe solteira, meu pai nos abandonou. Nos tornamos sem-teto em um momento, então perdi minha fé nas pessoas”, admitiu.

“Eu me abri para uma garota que achava diferente, mas ela me traiu com meu melhor amigo e passei por depressão. Usei sexo e mulheres para tentar superá-la, mas não funcionou.”

Sharron revelou que ainda não superou a situação, acrescentando: “Ainda estou um pouco quebrado, mas um giz de cera quebrado ainda dá cor. Sou uma pessoa bem-formada. Sou único em muitos aspectos. Estou aprendendo a me amar. Eu sou um arco-íris!”

Sobre a participação em Brincando com Fogo

Brincando com Fogo apresenta dez jovens solteiros de todo o mundo que se reúnem em um paraíso tropical para o que eles acham que será o verão mais exótico e erótico de suas vidas – mas há uma reviravolta.

Esses solteirões que amam uma conexão casual têm que desistir de beijos e relações sexuais por todo o retiro se quiserem ganhar o grande prêmio – e a cada vez que escorregam, o dinheiro do prêmio diminui.

Durante seu tempo no programa, Sharron admite que achou muito difícil permanecer celibatário.

“Essa foi uma das coisas mais difíceis que já tive em toda a minha vida. O sexo era uma das minhas coisas favoritas.”

“Estressado? Sexo. Dia difícil? Sexo. Quando eles nos disseram pela primeira vez, eu achei que era como um retiro da igreja. Quem traz pessoas para uma ilha e diz para elas não fazerem isso? Caras maus, isso sim!”

Revelando se ele quebrou ou não as regras, Sharron continuou: “Eu tentei muito, realmente tentei. Senti que estávamos todos muito quebrados. Usamos o sexo para nos comunicar ou confortar. Ao eliminar o sexo, tivemos que descobrir o que mais tínhamos.”

“Há mais em uma pessoa que o físico. Nós nos rebelamos no começo, mas eventualmente as regras nos forçaram a encontrar uma conexão mental mais profunda.”

Sugerindo que ele conheceu alguém especial durante seu tempo no México, ele disse: “Eu vi Chloe no início e fiquei impressionado. Era o paraíso na Terra. Eu estava de olho em todas as cinco garotas, depois reduzi para três, depois para duas. Eventualmente, percebi que havia uma pessoa especial.”

Brincando com Fogo já está disponível na Netflix.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio