Publicidade

Pelado! Veja como Freddie Mercury ganhava dinheiro antes da fama

Publicado por Alexandre Guglielmelli

08/05/2020 07:00

Freddie Mercury faleceu em 1991, e deixou para trás um legado inegável para a comunidade artística e a cultura pop. Até hoje, os hits do cantor são ouvidos no mundo todo.

O cantor ganhou uma homenagem recente no filme Bohemian Rhapsody, no qual foi interpretado por Rami Malek, que ganhou o Oscar de Melhor Ator por sua performance.

Assim como muitas outras estrelas, Freddie Mercury brilhou forte e morreu jovem. O artista faleceu devido a uma broncopneumonia causada pela AIDS.

Antes do início de sua carreira como vocalista do Queen, Freddie Mercury contou com uma introdução inusitada ao mundo da arte.

Confira abaixo!

O início de Freddie Mercury 

Em 1966, aos 19 anos, Freddie Mercury largou a faculdade para investir em sua carreira de músico. O então desconhecido astro era obcecado com o cantor e guitarrista Jimi Hendrix, e o seguiu em apresentações na Inglaterra.

Porém, Freddie Mercury não tinha dinheiro para viajar e pagar os ingressos dos shows, e por isso ingressou em um colégio de artes e desenvolveu uma rápida e fácil maneira de ganhar dinheiro.

Junto com o estudante Mark Malden, Freddie Mercury fez bicos como modelo de nu artístico para conseguir a grana para as apresentações de Jimi Hendrix.

“Eles deixavam você se cobrir com uma toalha até a hora de sentar. Nós ganhávamos cerca de 5 libras por sessão”, contou Malden.  

O valor pode parecer irrisório nos dias atuais, mas na época era essencial para o divertimento da juventude artística.

De acordo com Malden, Freddie Mercury deixava até mesmo de fazer atividades essenciais para continuar com sua obsessão pelo grande ídolo.

“Ele tirava muitas folgas para assistir aos shows do Hendrix!”, contou o amigo.

O próprio Freddie Mercury admitiu, em uma entrevista posterior, que Jimi Hendrix o incentivou a seguir a carreira artística e fundar o Queen.

“Hendrix estava vivendo e sendo tudo que eu sempre tive o desejo de viver e ser”, contou o cantor.

Jimi Hendrix faleceu em 1970, aos 27 anos. Já Freddie Mercury morreu em 1991, aos 45 anos.

Publicidade