Polêmica! Van Damme vivia drogado, revela diretor de famoso filme

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No final da década de 1980, Jean-Claude Van Damme surgiu como um grande nome dos filmes de ação. Porém, logo a carreira do belga foi tomada por polêmicas.

Uma delas é do filme Street Fighter, de 1994. Nas gravações, o problema de Jean-Claude Van Damme com drogas ficou bastante evidente.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em uma entrevista ao jornal The Guardian, o diretor Steven de Souza relatou o que realmente aconteceu nas gravações de Street Fighter. As declarações são chocantes.

“Eu não podia falar sobre isso na época, mas hoje eu posso: o Jean-Claude estava completamente cheio de cocaína”, diz o cineasta em um dos trechos da entrevista.

No filme, o belga viveu o protagonista Coronel Guile. Poderia ter sido um grande papel de Van Damme, mas o ator não estava no melhor momento dele.

Van Damme em Street Fighter

A situação de Van Damme em Street Fighter era tão complicada que um ajudante chegou a ser contratado. O profissional deveria simplesmente cuidar do astro.

Mas, Souza lamentou que o contratado “não era boa influência”. Com isso, Van Damme se tornou mais um desafio em Street Fighter.

“Ele ligava o tempo todo falando que estava doente e eu precisava encontrar outras cenas no roteiro para filmar. Eu não podia ficar horas sentado esperando por ele”, relembrou o diretor.

O vício em cocaína devastou a carreira de Van Damme. O próprio ator já chegou a admitir que chegou a gastar US$ 10 mil por semana com a droga.

Em Street Fighter, o vício, por exemplo não o deixava trabalhar nas segundas. Além disso, Van Damme não cumpriu o que havia prometido.

“Em duas oportunidades os produtores permitiram que ele fosse a Hong Kong e em ambas as vezes voltou atrasado. Ele nunca estava no set às segundas-feiras”, revelou o diretor.

Por conta do vício, entre 1999 e 2008, Van Damme fez 14 filmes – todos fracassos. Apenas depois Van Damme teria conseguido superar o problema.

Um dos últimos trabalhos do astro foi Ruas em Guerra, de 2019.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio