Paul Walker faleceu em 30 de novembro de 2013, aos 40 anos, em um acidente de carro. A participação do ator em Velozes e Furiosos 7 foi recriada digitalmente como uma homenagem ao artista. A música “See You Again”, de Wiz Khalifa e Charlie Puth também foi produzida como tributo a Paul Walker.

Com o passar do tempo, a franquia Velozes e Furiosos mudou seu foco. Nos primeiros filmes da franquia, corridas de carro eram o núcleo da história. Na era mais recente, a “Fast Saga”, os longas se tornaram grandes tramas de ação com armas poderosas e veículos impressionantes.

Paul Walker deixou para trás uma fortuna considerável; confira abaixo o que foi feito com o espólio do ator.


Herdeira

Ao morrer, Paul Walker deixou uma fortuna de 18 milhões de euros. Em sua totalidade, a quantia ficou para Meadow, a filha única do ator.

Meadow foi fruto do relacionamento de Paul Walker com a modelo Rebecca Soteros.

Grande parte da fortuna de Paul Walker era constituída de seus rendimentos pela bem sucedida franquia Velozes e Furiosos, além de outros filmes como Into The Blue.

Além disso, o ator era dono de uma mansão na Califórnia avaliada em cerca de 1,5 milhão de dólares.

Meadow Walker aumentou ainda mais sua fortuna após concluir um processo judicial movido contra a Porsche após a morte de seu pai.

O processo comprovou que a empresa sabia que o modelo de carro usado pelo ator tinha problemas de estabilidade e nos cintos de segurança. 

As duas partes fizeram um acordo, e o valor da indenização não foi revelado.