As autoridades dos Estados Unidos confirmaram a causa das mortes de Gregory Tyree Boyce, ator de Crepúsculo, e da namorada, Natalie Adepoju. Os dois foram encontrados mortos em 13 de maio.

De acordo com as autoridades de Las Vegas, Boyce, de 30 anos, e a namorada, de 27, sofreram uma overdose acidental. A morte teria acontecido após o uso de cocaína e do remédio fentanil.

A morte foi descoberta pelo primo do ator de Crepúsculo. Boyce deveria ter viajado para Los Angeles, mas o homem notou que o carro do artista ainda estava em casa após a data do compromisso.


Ao entrar no local, o primo encontrou Boyce e Natalie mortos. Após a descoberta do caso, autoridades informaram que um “pó branco” foi encontrado perto dos corpos.

Depois, a mãe do ator de Crepúsculo relatou para imprensa dos EUA que o filho lutava contra o vício em drogas. As viagens de Boyce entre Las Vegas e Los Angeles aconteciam para o homem visitar a filha dele, de 10 anos.

Carreira do ator de Crepúsculo

Após o anúncio da morte, Boyce foi descrito como “um homem muito responsável”. O ator de Crepúsculo cuidava da filha Alaya e do enteado, Egypt.

Nascido em 1989, na Califórnia (EUA), Boyce teve uma curta carreira na frente das câmeras. Crepúsculo é o único filme dele.

Tyler, o personagem do ator em Crepúsculo, aparece como um dos amigos de Bella, a personagem de Kristen Stewart.

Depois, em 2018, Boyce apareceu no clipe de Apocalypse, como um caubói. A música é de Trevor Jackson.

A mídia americana afirma que antes de morrer Boyce estava “envolvido com alguns negócios”. Até o momento, o que o ator fazia não foi detalhado.

A família de Boyce não se pronunciou sobre a divulgação da causa das mortes.