Gal Gadot se tornou mundialmente conhecida ao viver a Mulher-Maravilha nos recentes filmes da DC. O que muitos não sabem é o quanto sua vida mudou nesses últimos anos.

Em 2004, Gal Gadot, aos seus 18 anos, foi coroada Miss Israel. Em entrevista em 2017, à W Magazine, a atriz disse ter ficado relutante em competir.

“Eu tinha 18 anos e tinha acabado de me formar no colégio e tive um tempo antes de entrar no exército”, disse a atriz, que revelou que sua mãe fez sua inscrição no concurso.


“Eu entrei e nunca achei que ganharia, e quando ganhei isso me assustou”, continuou Gal Gadot. “Eu fiquei tipo, ‘o que? Miss Israel? Toda a responsabilidade de ser Miss Israel?’”.

De advogada a atriz

Antes de atuar, a atriz pensava em ser advogada, conforme revelou em entrevista de 2016, ao Glamour.

Ela eventualmente seguiu para a carreira de atriz e sua primeira audição nos cinemas foi para 007: Quantum of Solace.

O papel acabou indo para Olga Kurylenko, mas Gal Gadot acabou conseguindo a oportunidade de estrelar Velozes e Furiosos 7, como Gisele Yashar.

A atriz também serviu o exército de Israel durante a guerra Israel-Hezbollah, em 2006, como é requisitado dos cidadãos do país. Foi justamente seu passado nas forças armadas que a ajudou a conseguir o papel em Velozes e Furiosos.

Seu primeiro papel na televisão veio bem antes disso, em uma série dramática israelense, intitulada Bubot, que durou apenas um ano.

Além disso, em 2009, a atriz participou de um episódio de Entourage, como uma mulher chamada Lisa.

Curiosamente, antes de conseguir o papel de Mulher-Maravilha em Batman vs. Superman, a atriz quase desistiu de atuar.

Felizmente ela continuou e acabou estrelando esse filme, Liga da Justiça e Mulher-Maravilha.