O julgamento do processo de Johnny Depp contra o tablóide britânico The Sun continua envolvendo muitos outros nomes.

O jornal chamou Johnny Depp de “espancador de esposa”, em matéria sobre a acusação de Amber Heard contra o ex-marido, que teria a agredido.

Conforme foi divulgado pelo Metro, depois de uma troca de mensagens entre Johnny Depp e Paul Bettany ter sido divulgada, envolvendo “piadas” sobre torturar e matar Amber Heard (dentre outras coisas), o nome de James Franco surgiu no julgamento.


Durante essa sessão no tribunal, Johnny Depp chamou James Franco de estuprador, baseado em coisas que sua ex-esposa contou sobre o ator, com quem já trabalhou.

“Ela me contou muitas coisas muito negativas sobre James Franco, que ele tentou beijá-la e fez avanços sexuais em relação a ela no filme anterior que eles fizeram juntos. Ela disse que ele era um idiota e um estuprador. Ela disse que ele foi bastante agressivo em seus avanços em relação a ela”, disse Depp.

Não bastasse isso, Johnny Depp admitiu ter dado drogas para sua filha, Lily-Rose Depp, quando ela tinha apenas 13 anos.

“Minha filha tinha treze anos e como todos sabemos, aos 11, 12 e 13 anos, quando você vai para uma festa do colégio, pessoas tentam te dar bebida, porque eles bebem aos 12 e 13, usam cocaína aos 12 e 13 anos e fumam maconha aos 12 e 13 anos, usam ecstasy e muitas, muitas drogas”, disse o ator, que admitiu ter dado maconha para a filha.

“Ela só tinha 12 anos e disse que não sabia o que fazer”, continuou Depp.

O ator revelou que queria criar uma boa experiência com a droga com a filha de 13 anos.

“Eu não quero que uma pessoa de treze anos entre em uma paranoia”, disse Depp. “Eu sabia a qualidade da maconha que eu tinha, que eu fumava, é confiável e de boa qualidade”.

Fotos perturbadoras

Outras evidências foram mostradas durante o julgamento, incluindo fotos perturbadoras evidenciando a situação que Johnny Depp se encontrava quando, supostamente, agrediu Amber Heard.

Dentre as fotos, podemos ver o espelho da casa de Depp e Heard todo rabiscado, primeiro em sangue e depois com tinta.

As mensagens incluem “estrelando Billy Bob e Amber fácil”. No tribunal, Depp admitiu ter acusado Amber Heard de tê-lo traído com outros atores, incluindo Billy Bob Thornton.

Outra foto bastante perturbadora mostra Johnny Depp caído no chão, supostamente após consumo de álcool e drogas. Ao lado dela podemos ver uma foto com carreiras de cocaína, bebidas alcoólicas, além da carteira de motorista de Johnny Depp e outros itens do ator.

Em todo caso, o julgamento do caso de Johnny Depp contra o jornal The Sun continua.

Mais detalhes devem ser divulgados nos próximos dias.