Angelina Jolie e Brad Pitt costumavam ser o casal mais querido e famoso de Hollywood.

Eles se conheceram no set de Sr. e Sra. Smith, de 2005. Acontece que Pitt era casado com a também atriz Jennifer Aniston e rapidamente explodiram os boatos sobre uma suposta traição.

Independentemente de que tenha havido traição ou não, Angelina Jolie e Brad Pitt só oficializaram a relação depois que o ator havia se separado de Aniston.


Eles namoraram por anos até que se casaram em 2014. Curiosamente, o casamento em si só durou dois anos, e eles se separaram em 2016.

Acontece que o processo de divórcio entre os dois é tão complicado que ainda está em andamento.

Recentemente, surgiu na imprensa um relatório dizendo que Angelina Jolie desejava trocar o juiz responsável pelo processo de divórcio com Brad Pitt, já que a atriz acredita que ele não poderia ser “imparcial”. Isso motivou rumores apontando que a atriz estava querendo “arrastar” as coisas no processo.

Um conhecido de Angelina Jolie contou ao Post que ficou bastante surpreso com as recentes atitudes da atriz.

“Quanto mais ela quiser arrastar as coisas, mais danos ela causará aos filhos”, contou a fonte. “Para ela, tudo não passa de um jogo. No momento, ela ainda passa mais tempo com os filhos do que Brad Pitt e está gostando disso.”

Estranha relação

Outra fonte revelou que Angelina Jolie possui uma relação de “amor e ódio” com Brad Pitt.

“De alguma maneira, ela não quer que o divórcio acabe”, contou. “Ela está tentando desacelerar esse processo.”

Estranhamente, a fonte apontou que Angelina Jolie colabora para polir a “imagem de mocinho” de Brad Pitt, ajudando a manter o foco longe de segredos sombrios – os famosos “esqueletos no armário”.

No entanto, não foram dados detalhes sobre quais seriam esses “segredos”.

Angelina Jolie está atualmente com 45 anos. Já Brad Pitt completou 56 anos.