Em julho de 2019, os fãs da Disney receberam uma notícia chocante: Cameron Boyce havia morrido.

Boyce morreu repentinamente enquanto dormia. Ele sofria de epilepsia e acabou morrendo por causa de um “evento inesperado e súbito” relacionado à doença.

Cameron Boyce havia estrelado várias produções da Disney, fazia parte do elenco de Descendentes e tinha uma grande carreira pela frente.


Carreira interrompida

Cameron Boyce começou a atuar aos 8 anos de idade, aparecendo num clipe da banda Panic! at the Disco.

Ele teve um papel recorrente na novela General Hospital: Night Shift. Depois, estreou no cinema com o terror Espelhos do Medo, de 2008.

Atuou com Adam Sandler em Gente Grande e Gente Grande 2 e, em 2011, conseguiu um papel em Jessie, série da Disney de 2011.

Seu trabalho na Disney se estendeu para a franquia Descendentes. Descendentes 3, aliás, foi um dos últimos trabalhos do ator.

Cameron Boyce tinha planos para deixar o mundo da Disney para trás e se aventurar em produções com um tom mais maduro.

Poucos antes de morrer, teve um papel na série Mrs. Fletcher. Curiosamente, o último trabalho do ator ainda está para ser lançado: a série Paradise City, com Bella Thorne, outra ex-estrela da Disney.

Cameron Boyce tinha um grande futuro pela frente e, como vinha demonstrando tanto talento, os fãs não conseguem esquecer o sentimento de que poderia muito bem ter se tornado um grande astro de Hollywood.

Cameron Boyce tinha 20 anos quando morreu. Além de ator, também era cantor e dançarino.