A atriz Roxanne Pallett passou por momentos difíceis em sua vida pessoal e revelou os filmes de Rocky, com Sylvester Stallone, salvaram sua vida.

Dois anos atrás, a atriz de Emmerdale abandonou o Celebrity Big Brother, depois de ter acusado Ryan Thomas, que também estava na casa, de tê-la agredido.

“Olhando para 2018, não era apenas o Celebrity Big Brother. Desmoronei três vezes no espaço de três meses em três programas de televisão, todos apresentados como entretenimento”, contou a atriz ao The Sun.


“Esse padrão deveria ter mostrado a muitas pessoas assistindo e julgando que algo maior estava errado. Assisti muitos filmes do Rocky depois disso. Esses filmes me salvaram. Os filmes Rocky de Sylvester Stallone são minha Bíblia”, disse Roxanne Pallett.

A atriz continuou falando sobre como as pessoas podem se apoiar em diferentes coisas para sobreviverem a momentos difíceis.

“Todo mundo encontra algo, seja música, filme, arte, esporte ou academia, que os faz se sentir melhor. Para mim, foi a terapia, depois as viagens, a música de Johnny Cash e os filmes Rocky de Sylvester Stallone que me ajudaram a sobreviver”, contou Roxanne Pallett.

“O verão de 2018 foi, na verdade, um avanço disfarçado de colapso. Isso me forçou a atualizar todos os aspectos da minha vida, desde minha saúde mental até meu estilo de vida”, a acusação contra Ryan Thomas não foi confirmada e a própria Roxanne confessou ter cometido um erro ao reagir da forma que fez na época.

Editorial use only Mandatory Credit: Photo by Ken McKay/ITV/REX/Shutterstock (9768008bh) Roxanne Pallett ‘Good Morning Britain’ TV show, London, UK – 23 Jul 2018

Opinião pública

Agora, a atriz reconhece como essas alegações mudaram sua imagem pública.

“Eu entendo, com o que o público foi mostrado, por que isso os confundiu e indignou. Eles não viram o quadro completo, nem todo o contexto, nem minha história, então entendi. Só Deus vê toda a história, então só Deus pode verdadeiramente julgar”, disse a atriz de Emmerdale.

“Não foi mostrado aos espectadores que fui tratado durante três dias seguidos pelos médicos na sala do diário. Esta não foi uma reação isolada e aleatória, mas foi retratada como um ato impulsivo”.

Ela também reconheceu que o programa poderia editar tais imagens da maneira como achava melhor – o que não os livra da culpa, é claro.

“Mas eu aceito que dei aos produtores a propriedade de tudo o que eu disse ou fiz e tenho que reconhecer que eles tinham o direito de me editar e mostrar o que quisessem em qualquer contexto que se encaixasse em seu enredo”, concluiu a atriz.

Roxanne Pallett foi diagnosticada com transtorno de estresse pós-traumático complexo e recebeu a receita de sedativos fortes, sendo monitorada a fim de prevenir o suicídio.