Sendo uma saga que se desenvolve nos cinemas por quase 20 anos, Velozes e Furiosos conseguiu juntar um impressionante elenco de estrelas na história de Dom Toretto e sua família.

Na era mais recente, a “Fast Saga”, os longas se tornaram grandes tramas de ação com armas poderosas e veículos impressionantes.

No próximo filme de Velozes e Furiosos, a franquia vai contar com mais um reforço em seu elenco: Michael Rooker.


Confira abaixo a trajetória do ator, desde sua participação em The Walking Dead à sua estreia em Velozes e Furiosos e nos filmes da Marvel!

Carreira de sucesso

Michael Rooker apareceu em apenas 14 episódios de The Walking Dead, mas sua performance como Merle Dixon é lembrada até hoje por muitos fãs da série. O personagem era o irmão mais velho de Daryl, conhecido por sua brutalidade e vilania.

Merle morre e é transformado em zumbi no fim da terceira temporada da série, e o fim do personagem deu a Michael Rooker a possibilidade de trabalhar em outras franquias importantes e conquistar ainda mais fãs no mundo inteiro.

Logo após deixar The Walking Dead, Rooker se tornou uma estrela ainda maior ao interpretar Yondu em Guardiões da Galáxia. O personagem é um alienígena da raça Centauriana, líder dos Ravagers, um grupo de criminosos intergalácticos.

É ele quem cria Peter Quill, sendo visto com uma importante figura paterna para o líder dos Guardiões da Galáxia.

O personagem também aparece em Guardiões da Galáxia Vol.2, filme no qual Michael Rooker continuou sua parceria premiada com o diretor James Gunn, que começou com Seres Rastejantes, de 2006.

Rooker vai colaborar com James Gunn novamente em O Esquadrão Suicida, leve reboot que está sendo produzido atualmente pelo diretor.

Fãs também poderão conferir uma performance de Michael Rooker em Velozes e Furiosos 9. O ator foi escalado para o novo filme da franquia de Vin Diesel como Buddy. Maiores detalhes sobre o personagem não foram revelados.

Velozes e Furiosos 9 estreia em abril de 2021.