John Cena, de Velozes e Furiosos e Esquadrão Suicida, recentemente explicou por que ele ama o grupo de K-Pop BTS. Ele já revelou ser fã do grupo há um bom tempo e agora disse o porquê.

Em participação no programa do Jimmy Fallon, Cena disse que foi atraído ao BTS em razão da gigantesca popularidade do grupo, mas que acabou amando a música deles.

“Quando algo se torna a nova moda, fica aberto a críticas. Eu amo o que essa banda fez, porque eles são esse negócio massivamente popular e são populares no mundo todo faz tempo. Eu pensei, ‘okay, eu provavelmente deveria saber sobre isso'”, disse o astro de Velozes e Furiosos.


“Então, quando comecei a olhar para o BTS, e ouvir a música deles, originalmente fui atraído porque há rappers na equipe. E eles usam isso em algumas músicas, com batidas iradas e eles acabam fazendo rap. Então, sim, eu acho que isso é ótimo”.

Depois de ter se tornado um fã do BTS, John Cena acabou continuando a ouvir as músicas também pelas mensagens positivas aos fãs.

“Eles defendem o amor próprio. Dizem para não se ter medo de falhas. Eles defendem que você é o suficiente. Eles estão meio que tentando quebrar todas as dificuldades estereotipadas e situações desconfortáveis pelas quais passamos e estão fazendo isso para a audiência que vive isso. Jovens”.

“É por isso que eles são tão populares ao redor do mundo. Sim, eles são ótimos artistas, mas é a mensagem que eles trazem. Isso ressoa com o povo”.

Série de herói

John Cena, que está no elenco de Velozes e Furiosos 9, está dando um novo passo em Hollywood. O ator, que está em O Esquadrão Suicida, terá uma série com o personagem dele.

Em O Esquadrão Suicida, com direção de James Gunn, o ator será o Pacificador. O personagem parece ter se destacado e ganhará a série derivada no HBO Max.

A série será do próprio James Gunn, que deve dirigir vários episódios. Entre eles, o piloto do programa do Pacificador.

Inicialmente, a DC encomendou 8 capítulos da produção. A série é descrita como uma comédia de ação.

As gravações devem começar em 2021, ainda antes de James Gunn se voltar para Guardiões da Galáxia 3, da Marvel. Ao que parece, a escolha do personagem do ator de Velozes e Furiosos não é por acaso.

James Gunn anunciou que a série do Pacificador “é uma oportunidade de entrar nos problemas do mundo atual nas lentes desse super-herói/super vilão e maior babaca do mundo”.

“Estou empolgado em expandir o universo de O Esquadrão Suicida e trazer o personagem do filme para o mundo da série”, celebrou o diretor da DC.

John Cena, o protagonista, também fica com a produção-executiva da série do Pacificador. A série da DC ainda não tem previsão de estreia.