A atriz japonesa Yūko Takeuchi morreu aos 40 anos. Seu marido, o ator Nakabayashi Taiki, encontrou Takeuchi em seu apartamento na manhã de domingo (27). Takeuchi deixa para trás o marido e dois filhos, incluindo um bebê nascido em janeiro.

A morte foi presumida como suicídio, embora ninguém tenha encontrado um bilhete. Se confirmado, isso tornaria Takeuchi um novo caso de uma série de suicídios cometidos por celebridades japonesas, seguindo Ashina Sei no início de setembro e Kimura Hana em maio.

Profissionalmente, Yūko Takeuchi deixa para trás uma longa lista de créditos de atuação em filmes e séries de televisão e uma coleção de prêmios por seus trabalhos.


“Aconteceu de repente, e todos nós estamos chocados e tristes com a notícia”, disse a Stardust Promotion Inc., agência de talentos de Takeuchi, em um comunicado.

A agência também observa que ainda está examinando os detalhes da morte da atriz.

Takeuchi fez sua estreia como atriz no drama Cyborg em 1996. Três anos depois, ela ganhou o papel principal no drama Asuka. Em 2001, ela seguiu com a atuação principal em Love and Life in the White.

Sua carreira no cinema começou em 1998 com sua atuação no sucesso de terror Ring: O Chamado e o papel principal no drama adolescente Innocent World. Takeuchi continuou ocupada depois disso. Ela tinha talento para papéis cômicos como Kimiko Taguchi em The Triumphant Return Of General Rouge.

Ela também podia lidar com características dramáticas como sua personagem, uma versão feminina do detetive Sherlock Holmes de Sir Arthur Conan Doyle, em Miss Sherlock, série produzida por Hulu e HBO, que é exibida em 18 países ao redor do mundo.

Atriz premiada

A estrela de Ring: O Chamado ganhou o Prêmio de Cinema da Academia do Japão por três anos consecutivos, de 2003 a 2005. Os prêmios foram concedidos por atuações nos filmes Yomigaeri, Be with You e Neve de Primavera.

Em 2007 e 2008, ela ganhou seis prêmios diferentes de Melhor Atriz por sua atuação em Dog in the Sidecar. Seu prêmio mais recente foi em 2014 por sua atuação no drama Cape Nostalgia.

Seu filme mais recente é a comédia The Confidence Man JP: Princess, que estreou em julho. Ela também apareceu em várias campanhas publicitárias para empresas, incluindo clientes importantes como Panasonic, Suntory e Shiseido.

Ring: O Chamado, com Yūko Takeuchi, deu origem a um remake norte-americano em 2002, O Chamado. Ambas as versões foram grandes sucessos de bilheteria em seus países de origem.