Michael Jackson morreu há pouco mais de dez anos, e ainda deixa saudades em fãs do mundo inteiro. O Rei do Pop teve uma carreira astronômica, marcada pelo talento, polêmicas e muito dinheiro.

Durante toda a carreira do cantor, sua família esteve envolvida tanto nos sucessos bombásticos quanto em momentos difíceis e polêmicos, como as acusações de pedofilia.

Em uma entrevista em 1997, o astro do pop revelou porque vendeu fotos do filho recém-nascido Prince para a imprensa.


Confira abaixo a resposta!

O primeiro filho

Fãs de Michael Jackson ficaram em polvorosa quando o primeiro filho do Rei do Pop nasceu em 1997. Prince Jackson ganhou as manchetes do mundo inteiro em seus primeiros dias de vida, com horas de paparazzi obcecadas pela obtenção da primeira foto do bebê.

Para contornar a situação, Michael Jackson tomou uma decisão inusitada: vender as primeiras fotos de Prince para a imprensa.

O cantor explicou sua decisão ainda em 1997, em uma entrevista com a jornalista Barbara Walters.

“Eu cresci em um lugar muito pequeno – não vou deixar isso acontecer com meu filho. Quando ele nasceu, houve uma ‘corrida’. Fotos ilegais foram tiradas e vendidas por milhões de dólares. E elas diziam: ‘Aqui está o filho do Michael Jackson’. Mas não era ele!”, contou Michael Jackson.

Devido ao assédio da imprensa, Michael decidiu vender as fotos e usar o dinheiro para uma boa causa.

“Então eu mesmo tirei as fotos do bebê… Afinal de contas, eles me obrigaram! Helicópteros voavam sobre a minha casa, sobre o hospital. Até os médicos comentaram que já haviam atendido celebridades, mas que nada havia chegado perto disso. Então resolvi fotografar o bebê, vender as fotos e doar o dinheiro para caridades”, revelou o Rei do Pop.

Infelizmente os paparazzi não aprenderam nada com a atitude do cantor, e continuaram a assediá-lo na época do nascimento de seus outros filhos.

A maneira como a imprensa tratava Michael Jackson lembra até mesmo a relação dos paparazzi com a Princesa Diana, que inclusive era amiga do cantor. Após a trágica morte da Princesa de Gales, Jackson cancelou shows e fez uma tocante homenagem.

“No meu coração eu estava dizendo: ‘Eu te amo, Diana! Brilhe para sempre. Você é a verdadeira princesa do povo”, desabafou Michael Jackson.