Lucifer é uma das séries mais populares da Netflix. Após ser cancelada pela Fox, a produção ganhou uma nova chance na plataforma e lançou uma ótima quarta temporada com grandes desenvolvimentos na trama.

Recentemente, a Netflix deixou fãs ansiosos a estreia da primeira parte da quinta temporada de Lucifer, que chegou em 21 de agosto. A plataforma aumentou ainda mais a expectativa com a renovação da série para mais uma leva de episódios.

Originalmente, a série terminaria na quinta temporada, mas a Netflix firmou um novo contrato com Tom Ellis e garantiu mais um ano.


Tom Ellis revelou em uma entrevista recente como foi seu primeiro encontro com o maior ídolo: George Clooney.

Confira abaixo!

Encontro inusitado

Desde que começou a interpretar o protagonista de Lucifer, Tom Ellis aprendeu o valor de um terno bem cortado. O ator revelou em uma entrevista a uma revista americana que sempre teve como ícone de estilo o ator George Clooney.

De acordo com Ellis, sua inspiração do mundo da moda sempre foi o icônico ator de Onze Homens e um Segredo.

Na mesma entrevista, Ellis revelou que encontrou Clooney por acaso em um hotel em Vancouver, no Canadá.

“Eu tinha colocado uns sapatos feios e um roupão que estavam no quarto. Quando cheguei à porta do elevador, George Clooney já estava dentro dele. Ele me olhou com esses óculos legais, e na minha cabeça só conseguia pensar ‘Isso não deveria acontecer dessa maneira'”, afirmou o ator.

Tom Ellis agora se prepara para protagonizar o primeiro episódio musical da história de Lucifer.

Intitulado “Bloody Celestial Karaoke Jam”, o décimo episódio da quinta temporada será um musical com canções da icônica banda Queen!

Uma prévia do episódio chegou a ser divulgada, e mostra Lucifer, Chloe, Dan e Ella cantando “Another One Bites the Dust” acompanhados por uma banda escolar – tudo isso enquanto investigam um cadáver encontrado no campo de futebol.

Embora os produtores não tenham revelado por que os personagens aparecem cantando, eles compartilham alguns detalhes sobre a criação e conceito do episódio.

“Foi um processo demorado! No meu coração, a ideia para esse episódio veio logo após o episódio de Las Vegas, da segunda temporada, no qual Tom (Lucifer) e Aimee (Ella) cantam ‘Luck Be a Lady’. Lembro de participar dos ensaios e chorar com a cena, pois era um verdadeiro sonho se tornando realidade. Se existe uma série que pode fazer isso facilmente, é esta”, contou Ildry Modrovich.

A segunda parte da quinta temporada de Lucifer ainda não estreou na Netflix.