Com forte tensão, Brad Pitt tem vitória contra Angelina Jolie

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Brad Pitt e Angelina Jolie se separaram em 2016. Desde então, estão em um interminável divórcio.

Em 2020, a briga na justiça ganhou novos capítulos. Após um quase entendimento do casal, a tensão voltou a aumentar.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Tudo começou quando Angelina Jolie pediu a remoção do juiz do divórcio. A justificativa era de que Ouderkirk já teria relação profissional com advogados de Brad Pitt.

Por sua vez, a equipe de defesa do famoso disse que a atriz já sabia disso. Além disso, acusou Angelina Jolie de querer atrasar o julgamento da guarda dos filhos com o pedido.

Com essa forte tensão, o The Daily Mail afirma que Brad Pitt teve uma vitória. Documentos revelados do caso mostram que Ouderkirk segue no processo.

Com isso, o famoso e interminável divórcio deve ganhar mais capítulos em breve.

Brad Pitt quer guarda compartilhada

Veículos afirmaram que Brad Pitt tenta uma guarda compartilhada. Com isso, aumenta consideravelmente o tempo que pode passar com os filhos.

Fora Maddox, de 19 anos, o casal briga pela guarda de Pax, Zahara, Shiloh e os gêmeos Vivienne e Knox.

Brad Pitt está pedindo que a custódia de 50% para cada seja colocada e permaneça no lugar”, disse uma fonte à Entertainment Tonight.

Angelina Jolie quer ser justa quando se trata de custódia. Ela é muito estruturada com as crianças. Brad Pitt tem grandes esperanças de que eles possam tentar fazer isso funcionar por causa da importância da coparentalidade.”

Brad Pitt, na maior parte, tem respeitado a educação de Angelina Jolie. Embora ele não concorde com tudo, ele sabe que ela ama as crianças e quer o melhor para elas. Ele também sabe que seu amor e presença são necessários.”

Adicionando a isso, a fonte disse que Brad Pitt “fez tudo o que podia para evitar uma situação no tribunal”, mas sente que “não teve outra escolha”.

Com tudo isso, o caso deve continuar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio