Michael Jackson pode ser considerado um dos maiores artistas de todos os tempos, mas por muitos anos Mike Tyson chegou a odiar o Rei do Pop. Veja o porquê.

Em participação no podcast T.I.’s expediTIously, o boxeador falou sobre a primeira vez que viu Michael Jackson ao vivo.

“Mike é interessante. Eu o conheci, acho que em um concerto em Cleveland, junto de Don King”, disse Tyson.


“Nessa altura já sou campeão e conquistei isso indisputado. Então Don e faz o sinal de ‘paz’ para Michael Jackson e ele responde com o mesmo sinal. Então eu faço o sinal e Michael coloca sua mão para baixo”.

“Eu pensei, ‘ele está me ignorando? Não, ele não me ignorou, só não me enxergou. Eu sei que ele não me ignorou, porque eu sou o campeão'”, continuou Mike Tyson.

Aparentemente, contudo, o boxeador estava correto em sua suposição, algo que descobriu ao irem até os bastidores do show. Tyson estava assinando autógrafos para fãs e ele disse que Michael Jackson continuou o ignorando, embora tenha falado com Don King, que estava ao seu lado.

Essa falta de reconhecimento realmente feriu o ego do então campeão de boxe, que havia se tornado o campeão de peso pesado mais jovem da História.

“Ele quebrou o meu ego, me esmagou”, disse Tyson. “Eu disse, ‘não, sou só um fã, é um prazer te conhecer, senhor. Ele disse, ‘okay’, então saiu e entrou no carro”, relatou o lutador.

Guardou rancor

Depois disso, o boxeador realmente guardou mágoa do Rei do Pop, revelando ter nutrido ódio por ele.

“Então eu o odiei para sempre. Todas as vezes que o nome de Michael Jackson aparecia eu dizia, ‘fod*-se esse filho da put*’, isso e aquilo”.

Finalmente, tudo acabou quando o próprio Michael Jackson convidou Mike Tyson para passarem um tempo juntos.

“Eu peguei um avião e fui até lá, passamos um tempo juntos. E eu disse ‘ele é um cara legal, mas na minha cabeça eu disse, ‘por que você me ignorou daquele jeito, Mike?'”.

Infelizmente jamais saberemos por que Michael Jackson ignorou Mike Tyson naquele fatídico dia.