Sylvester Stallone alcançou a fama nos anos 1970 com seu icônico filme Rocky: Um Lutador, que lançou uma franquia de sucesso.

O fisiculturista profissional Arnold Schwarzenegger também estava fazendo seu nome na época, catapultando para o estrelato nas telonas no início dos anos 1980 com Conan, o Bárbaro e O Exterminador do Futuro.

Com os dois atores possuindo um conjunto de habilidades semelhantes, uma rivalidade fervorosa logo se formou entre os dois atores que levou ao ódio real.


Guerra entre astros

Embora os dois astros sejam agora amigos próximos, sua rivalidade atingiu um pico ao longo dos anos 80 e 90.

Com Sylvester Stallone e Arnold Schwarzenegger sendo os principais astros de filmes de ação de alta octanagem, o ator de True Lies descreveu como o antagonismo entre eles continuou crescendo.

“Nos anos 80, ele era apenas um rival”, disse Schwarzenegger a Jimmy Kimmel em 2019, de acordo com o The Wrap.

“Era tudo sobre quem estava fazendo filmes maiores, quem tinha maior definição nos músculos, quem tinha mais sucesso de bilheteria, quem mata mais pessoas, quem mata mais pessoas criativamente, quem tem facas maiores, quem tem armas maiores.”

Sempre tentando superar Sylvester Stallone, Arnold Schwarzenegger continuou a empurrar os limites em suas cenas de ação.

“No final, comecei a andar por aí com armas que só estavam montadas em helicópteros ou tanques”, revelou o ex-governador da Califórnia.

“Foi uma loucura. Foi uma guerra total.”