Bruce Willis foi expulso de uma farmácia em Los Angeles, no dia 11 de janeiro de 2021, após se recusar a usar máscara de proteção contra o novo coronavírus.

Conforme informações de Francesca Bacardi, do Page Six, o astro de Duro de Matar não estava usando uma máscara, embora tivesse uma bandana amarrada no pescoço. Ele poderia ter simplesmente usado esse pano para cobrir a boca e o nariz.

A fonte do veículo, que estaria no local no momento, disse que as pessoas no estabelecimento ficaram irritadas com Bruce Willis.


Posteriormente, pediram para que ele saísse do local e ele o fez sem comprar o que queria na farmácia.

Desde então, o ator emitiu um comunicado à People sobre o ocorrido:

“Foi um erro de julgamento. Vamos nos manter seguros e continuar usando máscaras”.

O ator chegou a ser fotografado dentro da farmácia. Confira, abaixo.

História trágica de Bruce Willis

Bruce Willis teve três irmãos mais novos, Florence, David e Robert, mas um deles faleceu em 2001.

Robert Willis foi diagnosticado com câncer no pâncreas e, na época, segundo artigo de Callie McGuire, no Nicki Swift, Bruce Willis estava preparando-se para a narração de True West, uma peça sobre dois irmãos.

O astro de Duro de Matar recebeu a notícia sobre seu irmão e dentro de seis semanas ele acabou falecendo. WIllis dedicou a apresentação da peça ao seu irmão.

Em entrevista ao The New York Times, em 2002, Bruce Willis falou sobre a coragem do seu irmão.

“Ele disse, ‘olha, isso não me assusta. Eu aceito isso, e sei que vocês vão ter seu período de luto, mas não fiquem muito de luto”, disse Bruce Willis, parafraseando o irmão.

Robert Willis tinha 42 anos quando faleceu em razão do câncer no pâncreas, em 26 de junho de 2001.

Após o falecimento do irmão, o ator de Duro de Matar ainda tentou se comunicar com ele. Segundo o The Irish Examiner, Bruce Willis entrou em contato com um medium para tal.

“Lágrimas escorreram do meu rosto e agora sei que o interruptor não é desligado, há vida após a morte. Não sei como funciona, mas acredito nisso”, disse Willis.