Elton John não suporta irmã de Michael Jackson; entenda o motivo

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elton John realmente não gosta da irmã de Michael Jackson, Janet Jackson, e há uma boa razão para isso.

Sua opinião negativa sobre a cantora foi dada em 2016, quando Janet estava em meio à turnê Unbreakable.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em entrevista a Stephen Rodrick, da Rolling Stone, Elton John criticou a irmã de Michael Jackson por fazer lip-sync durante seus shows.

“As revistas sobre música escrevem críticas de Janet Jackson dizendo, ‘esse é o melhor show de todos – quatro estrelas e meia’. É tudo lip-sync! Alô! Isso não é um show! Eu prefiro ver uma drag queen. Vai se f*der”, disse Elton John.

Lip-sync basicamente consiste na pessoa apenas mexer a boca no ritmo da música, enquanto ela é tocada pelos alto-falantes. Em outras palavras, a artista não está cantando ao vivo de verdade.

A irmã de Michael Jackson não foi a única pessoa a ser criticada por Elton John por fazer isso. Em 2004, ele criticou Madonna por ter sido indicada à premiação de Melhor Performance ao Vivo, no Q Awards.

“Desde quando lip-sync é considerado ao vivo? Desculpem-me, mas acho que qualquer um que faça lip-sync em público, no palco, quando pagamos 75 libras para assistí-los, deveria levar um tiro”.

Relação complicada de Elton John e George Michael

Rocketman contou a história de vida de Elton John de uma forma diferente. Apesar de retratar os momentos importantes, o longa trouxe fantasia utilizando cenas musicais.

O filme também foi elogiado por retratar até mesmo os momentos tensos de Elton John. Com tanta história, Rocketman obviamente não conseguiu mostrar tudo.

Uma dessas histórias acontece com outro cantor famoso, George Michael, que morreu em 2016. No imaginário popular, os dois músicos pareciam bons amigos – o que era verdade.

Mas, como muitos relatos apontam, Elton John e George Michael tinham uma amizade explosiva. Tanto que o cantor de Rocketman não suportava o amigo.

Parte disso foi por conta de uma luta de Elton John. Por anos, o músico tentou fazer o amigo superar o vício em drogas. Quando George Michael faleceu, o amigo até declarou que “você não pode ajudar aqueles que não querem ser ajudados”.

Elton John não suportava no amigo justamente o vício. Em algumas declarações, o cantor comentou como George Michael era pessoas diferentes quando estava sóbrio e quando estava usando drogas.

Nos anos 2000, o cantor de Rocketman até chegou a declarar publicamente para NME que o amigo “estava em um lugar estranho”. Elton John ainda disse que estava “decepcionado” com ele.

George Michael respondeu que os dois “tinham se falado pouco durante os últimos 10 anos” e que Elton John “não sabe quem realmente eu sou”.

Assim, o que se sabe é que os dois tinham alguns encontros, principalmente em eventos de caridade. Apesar da relação complicada, Elton John gostava muito de George Michael.

“Ele não era apenas um bom amigo, mas também um dos mais brilhantes cantores que esse país já teve”, declarou a voz de Rocketman após a morte de George Michael.

Rocketman pode ser conferido em plataformas digitais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio