Larry King, icônico apresentador de TV, morre aos 87 anos

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Larry King, famoso apresentador da CNN estadunidense faleceu aos 87 anos, no dia 23 de janeiro de 2021. King foi hospitalizado após contrair COVID-19, em Los Angeles, no dia 2 de janeiro de 2021.

Seu falecimento ocorre menos de dois anos após ter sofrido ataque cardíaco em abril de 2019.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Já em novembro de 2019, Larry King revelou ter sofrido um derrame em março de 2019, algo que permaneceu em segredo por meses.

O apresentador sempre foi bem transparente sobre seus problemas de saúde e já disse ter mudado seus hábitos após seu primeiro ataque cardíaco, em 1987.

“Eu fazia tudo errado. Fumava três maços por dia”, explicou King em entrevista ao LA Times. “Mas nunca achei que aconteceria comigo. Quando eu tive o ataque cardíaco, isso me assustou muito, eu tinha 53 anos. Nunca mais fumei um cigarro na vida. Mudei muitos dos meus hábitos. Perdi muito peso”.

Carreira e mais problemas de saúde

Larry King lutou contra outros problemas de saúde ao longo dos anos. Ele teve câncer de próstata, de pulmão, além da diabetes tipo 2.

Mesmo após aposentar-se da CNN em 2010, ele criou a Ora TV e apresentou programas do Hulu.

Larry King nasceu em Brooklyn, no dia 19 de novembro de 1933 e começou sua carreira no rádio em Miami, no fim da década de 1950.

Ele se juntou à CNN em 1985, apresentando seu programa Larry King Live até 2010, quando saiu da emissora.

Larry King deixa para trás três filhos, nove netos e quatro bisnetos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio