Bohemian Rhapsody não mostra segredo chocante de Freddie Mercury antes da morte

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Freddie Mercury, o lendário líder do Queen, começou a se isolar no final da década de 1980. O motivo foi descoberto pouco antes da morte dele, em 1991.

O cantor batalhava contra a AIDS. A doença fez com que Freddie Mercury perdesse um pé, o que isolou ainda mais o músico do Queen.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como apurado pelo Observatório do Cinema, a revelação foi feita por Brian May. O guitarrista e fundador do Queen, além de grande amigo de Freddie Mercury, trouxe os detalhes em algumas entrevistas.

“O problema era na verdade o pé dele e tragicamente havia sobrado pouco dele. Uma vez nos mostrou em um jantar. Ele depois disse, ‘Me desculpe por ter chateado vocês ao mostrar, Brian’”, recordou o guitarrista ao The Sunday Times.

Brian May diz que nunca ficou chateado com a revelação de Freddie Mercury. Na verdade, o músico percebeu o quanto o amigo estava sofrendo.

“Eu respondi para ele depois, ‘Não estou chateado por isso, Freddie, a não ser pelo fato de que você tem que passar por esse sofrimento terrível’”, contou o músico.

Amigo lamenta adeus de Freddie Mercury

Brian May também sempre pensa o que teria acontecido com Freddie Mercury se o músico conseguisse sobreviver mais um pouco.

Para o guitarrista, o cantor do Queen poderia ter vivido mais com os tratamentos que estavam em testes na época.

“Ele perdeu por poucos meses. Se ele tivesse aguentado mais um pouco, ele ainda estaria conosco, eu tenho certeza”, lamentou o guitarrista.

Freddie Mercury passou os dois últimos da vida dele em total reclusão. O músico apenas tinha contato com familiares e amigos.

A última aparição do ídolo foi em vídeo. Freddie Mercury apareceu no clipe de These Are The Days Of Our Lives, do Queen.

Nessa ocasião, o famoso preocupou a todos. Freddie Mercury parecia muito fraco e magro. O lançamento do vídeo foi em maio de 1991.

Meses depois, em novembro, Freddie Mercury morreu. A história dele é contada no filme Bohemian Rhapsody, disponível em plataformas digitais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio