Polêmico beijo na boca de Angelina Jolie em irmão é explicado; veja

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com uma carreira de mais de 30 anos, Angelina Jolie se estabeleceu com uma das atrizes mais conceituadas de Hollywood, na frente e por trás das câmeras.

Descrita como “uma das figuras mais influentes da indústria do entretenimento”, Jolie também é conhecida por seus importantes trabalhos humanitários, principalmente na defesa dos refugiados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em seu casamento com Brad Pitt, Angelina Jolie teve 6 filhos: Maddox, Pax, Zahara, Shiloh, Vivienne e Knox.

Antes de ter filhos, Angelina Jolie era conhecida por sua personalidade excêntrica e por suas muitas polêmicas. Uma delas envolveu o irmão da estrela.

Confira abaixo tudo sobre essa história!

O beijo mais polêmico

Em 2000, a mídia conseguiu transformar um momento emocional entre Angelina Jolie e seu irmão em uma acusação terrível.

A atriz apareceu beijando seu irmão James no tapete vermelho do Oscar, e os jornais e revistas especializados não demoraram para sugerir rumores de incesto e questionar a proximidade entre os irmãos.

“Foi um momento que as pessoas nunca tinham visto no Oscar – um momento extremamente sexual. Foi um momento de glamour completado de uma maneira muito, muito obscura”, afirmou na época da apresentadora Melissa Rivers.

Angelina vivia uma das fases mais sensuais de sua carreira na época do beijo, mas tudo indica que o selinho só aconteceu por uma grande quantidade de dor compartilhada pela atriz com o irmão.

“Marcheline Bertrand, a mãe de Angelina e James, havia começado quimioterapia para um câncer de ovário pouco antes do Oscar. Nessa época, a Angelina se sentia especialmente próxima ao irmão. Eles sempre foram próximos desde a infância, já que não costumavam conviver com o pai”, comentou o editor da revista People.

Segundo Cis Rundle, grande amiga de Marcheline (mãe de Angelina), o “beijo escandaloso” não era nada mais que uma demonstração de amor fraternal.

“O dia que ela beijou Jamie no Oscar, foi o primeiro dia do tratamento do câncer de Marcheline. Eles deixaram o hospital juntos e chegaram juntos à cerimônia. Ninguém sabia o que tinha acontecido no hospital. Era como se ela dissesse ‘Olha, estamos aqui agora!’. E o mundo viu algo incestuoso. Eles só podiam contar um com o outro. Sempre tiveram um relacionamento muito próximo, principalmente com a mãe”, contou Rundle.

Angelina Jolie atualmente se prepara para seu primeiro filme no MCU: Os Eternos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio