Elton John faz revelação sobre Rocketman e critica Igreja Católica

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Elton John é um dos artistas gays mais famosos da História e Rocketman celebra, além de outras coisas, sua sexualidade. O cantor apontou a hipocrisia da Igreja em investir na cinebiografia, mas não apoiar o casamento gay.

No Twitter, Elton John demonstrou sua revolta em relação ao catolicismo por, ainda, não aceitar a união homossexual.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Como o Vaticano pode se recusar a abençoar casamentos gays porque eles ‘são pecado’, mas felizmente lucrar ao investir milhões em Rocketman – um filme que celebra minha descoberta da felicidade com meu casamento com David?”, tuitou Elton John.

O tuite veio após o Vaticano declarar que não pode aceitar casamentos gays por esses não serem “lícitos”, segundo informação de Joey Nolfi, da EW.

Ainda assim, o Vaticano declarou que pessoas homossexuais devem ser tratadas com “respeito e sensibilidade”.

Veja o tuite de Elton John, abaixo.

Relação complicada de Elton John e George Michael

Rocketman contou a história de vida de Elton John de uma forma diferente. Apesar de retratar os momentos importantes, o longa trouxe fantasia utilizando cenas musicais.

O filme também foi elogiado por retratar até mesmo os momentos tensos de Elton John. Com tanta história, Rocketman obviamente não conseguiu mostrar tudo.

Uma dessas histórias acontece com outro cantor famoso, George Michael, que morreu em 2016. No imaginário popular, os dois músicos pareciam bons amigos – o que era verdade.

Mas, como muitos relatos apontam, Elton John e George Michael tinham uma amizade explosiva. Tanto que o cantor de Rocketman não suportava o amigo.

Parte disso foi por conta de uma luta de Elton John. Por anos, o músico tentou fazer o amigo superar o vício em drogas. Quando George Michael faleceu, o amigo até declarou que “você não pode ajudar aqueles que não querem ser ajudados”.

Elton John não suportava no amigo justamente o vício. Em algumas declarações, o cantor comentou como George Michael era pessoas diferentes quando estava sóbrio e quando estava usando drogas.

Nos anos 2000, o cantor de Rocketman até chegou a declarar publicamente para NME que o amigo “estava em um lugar estranho”. Elton John ainda disse que estava “decepcionado” com ele.

George Michael respondeu que os dois “tinham se falado pouco durante os últimos 10 anos” e que Elton John “não sabe quem realmente eu sou”.

Assim, o que se sabe é que os dois tinham alguns encontros, principalmente em eventos de caridade. Apesar da relação complicada, Elton John gostava muito de George Michael.

“Ele não era apenas um bom amigo, mas também um dos mais brilhantes cantores que esse país já teve”, declarou a voz de Rocketman após a morte de George Michael.

Rocketman pode ser conferido em plataformas digitais.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio